Ouvidos sensíveis? Entenda o que é misofonia, hiperacusia e zumbido


Os problemas auditivos não se restringem somente à perda auditiva e dificuldades na comunicação. O aumento da exposição ao ruído, seja no trabalho, lazer ou por morar nas grandes cidades, mas principalmente, pelo uso excessivo e incorreto do fone de ouvido, vem tornando nosso ouvido cada vez mais sensível aos sons e modificando como reagimos a eles.


E os três principais efeitos colaterais dessa mudança nos nossos ouvidos são:

Hiperacusia: a pessoa apresenta incômodo com o volume dos sons externos que parecem mais fortes do que são. Sentir incômodo com ruídos excessivamente altos é natural, contudo ter intolerância a barulhos comuns do dia a dia não é. A sensibilidade ocorre a sons de intensidade leve a moderada, causando desconforto físico e irritabilidade. Em alguns casos de hiperacusia, pode haver um sério comprometimento nas atividades diárias, fuga de situações que possam causar irritação ou crise de ansiedade. Esse desconforto desaparece quando o volume abaixa.


Misofonia: a pessoa apresenta aversão a sons externos específicos, geralmente baixos e repetitivos, que desencadeiam forte desconforto, como por exemplo pessoas mastigando nas refeições ou mascando chiclete, nariz fungando, papel de bala, tamborilar de dedos, clique de caneta, etc. Nesse caso, a reação é mais intensa, de raiva, podendo levar a agressão. E não basta apenas abaixar o volume, o som precisa cessar por completo.


Zumbido: é um som percebido nos ouvidos ou na cabeça sem que haja uma fonte sonora ao redor. Ele pode se assemelhar a diversos sons como apito, chiado, abelha, cachoeira, panela de pressão, etc. Ele pode ocorrer em todas as idades, inclusive em crianças e adolescentes. Em muitos casos, o zumbido não apresenta incômodo, porém, em cerca de 20%, ele chega a comprometer o sono, a concentração, o equilíbrio emocional e até a vida social e familiar.


Esses sintomas ainda são poucos abordados, mas já vem despertando o interesse das pessoas que se identificam com esses problemas e estão procurando ajuda médica.

Também é possível que uma mesma pessoa apresente associação do zumbido, da misofonia e da hiperacusia ao mesmo tempo.


Felizmente, existem tratamentos para amenizar todos esses sintomas! Porém, eles devem ser personalizados para cada caso, mediante indicação médica, e podem ser realizados, por exemplo, com medicações, terapia sonora com uso de sons de fraca intensidade, terapia cognitivo-comportamental e muita orientação.



Fga. Ms. Ariane Solci Bonucci



0 visualização
espaco_da_audicao_logo_branco.PNG

11 98534 0026

MOEMA - Av. Miruna, 162 - (11) 2337-7908

( Próximo à estação Eucaliptos)

LAPA - R. Cerro Corá, 1073 - (11) 2389-5503 

(Próximo à estação Vila Madalena)

ESTACIONAMENTO PRÓPRIO NO LOCAL

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook Espaço da Audição
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn

©  2020 por Espaço da Audição

WhatsApp-icone.png